André Giusti - foto: Luana Lleras
voltar para o início do blog

Camila tão sozinha

Camila tem TV moderna no quarto que é só dela. Tem computador que fala desenha canta faz o trabalho de casa por ela. Tem saia blusa calça pra escola curso festa e qualquer ocasião. E com as roupas combinam sempre seus sapatos tênis sandálias chinelinhos coloridos. Camila tem boneca que dança penteia namora e faz [...]

Camila tem TV moderna no quarto que é só dela.

Tem computador que fala desenha canta faz o trabalho de casa por ela.

Tem saia blusa calça pra escola curso festa e qualquer ocasião.

E com as roupas combinam sempre seus sapatos tênis sandálias chinelinhos coloridos.

Camila tem boneca que dança penteia namora e faz cocô.

Mas Camila não tem uma coisa que ela queria muito e a mãe ocupada e o pai no trabalho já disseram que não não e não não adianta insistir.

Ela queria tanto uma irmã pra ajudar a segurar a barra da vida, que Camila nem sabe ainda que às vezes pesa tanto.

Tags:

Gostou, compartilhe:

Comentários (5)

  1. Daiane Garcez -

    Está no rodapé do meu email: “Não tenho tudo que quero. Não importa ! Já tenho tudo que preciso”

  2. lila lacerda -

    Não deixem que Camila se perca nesse mundo tão cheio de curvas perigosas. Para a Camilla que conheço, não há volta…Fiquem em paz!

  3. Cláudia Navegantes -

    Que gracinha! Camila é sua filha? Quantos anos? Bem, se não dá para atendê-la. Quem sabe um animal de estimação. Costuma ser uma boa companhia, além de dar responsabiblidades a ela. Beijos!

  4. Paula Furlan -

    O mundo hoje é cheio de “Camilas guardadas as devidas proporções. Num mundo hiperconectado, em que partos são filmados em tempo real e qualquer fato do outro lado do mundo pode ser conhecido por quem está deste lado do mundo, na era das redes sociais e sites de relacionamento, não sabemos mais nos relacionar. Temos 1000 amigos de Facebook e ninguém para dividir nossos desabafos, anseios e vitórias.

  5. Michelle Mattos -

    O pior é que tem uma penca de gente assim, de todas as idades. Sabe aquela história: eu tenho tanto, mas não o que de fato importa? Eu sou feliz de ter essas coisas que o dinheiro nem o reconhecimento profissional compram, mas fazem a vida ter sentido. Suas filhotinhas são abençoadas por perceberem isso tão cedo.

Deixe o seu comentário!