André Giusti - foto: Luana Lleras
voltar para o início do blog

Danilo não sabe o que é humor (nem amor)

Leio com grande satisfação, e sem conter a frase “Bem feito! Pra deixar de ser otário!”, que Danilo Gentili foi condenado pela Justiça a indenizar em R$ 200 mil uma doadora de leite materno. Michelle Rafael Maximino conseguiu a façanha de doar mais de 420 litros de leite materno a maternidades e postos de saúde [...]

Divulgação

Divulgação

Leio com grande satisfação, e sem conter a frase “Bem feito! Pra deixar de ser otário!”, que Danilo Gentili foi condenado pela Justiça a indenizar em R$ 200 mil uma doadora de leite materno.

Michelle Rafael Maximino conseguiu a façanha de doar mais de 420 litros de leite materno a maternidades e postos de saúde de Pernambuco. Ela é um assombro, sem dúvidas. É de se imaginar o quanto de fome de bebês subnutridos ou mesmo órfãos de mãe sua capacidade de doar matou.

Por isso merece aplausos, e não piadas. Quanto mais sem graça.

Pois o humorista – embora não mereça o título aquele que em vez de fazer piada pratica desrespeito – chamou de vaca a doadora.

Acrescentou ao deboche – e não piada – outras imbecilidades. Por elas, levou com o martelo dos tribunais.

O desconhecimento de Danilo Gentili não é apenas em relação ao humor. Ele – e também os que na cidade da doadora a ridicularizaram a partir da infâmia – não tem a mínima noção do que é o amor contido no ato de amamentar.

E menos ainda sabem o que é o amor contido no ato de ser solidário.

Tags:

Gostou, compartilhe:

Comentários (0)

Deixe o seu comentário!