André Giusti - foto: Luana Lleras
voltar para o início do blog

Estado laico é para os fortes

Nesta quinta-feira, 30, é dia do evangélico em Brasília, um feriado local em que metade da cidade não trabalha e a outra metade ignora solenemente, incluindo aí o serviço público federal. Taxar de absurdo haver um feriado em homenagem aos evangélicos é discriminar os adeptos da crença. Por sua vez, dizer que, então, se deve [...]

CalendarioFeriado2015

Nesta quinta-feira, 30, é dia do evangélico em Brasília, um feriado local em que metade da cidade não trabalha e a outra metade ignora solenemente, incluindo aí o serviço público federal.

Taxar de absurdo haver um feriado em homenagem aos evangélicos é discriminar os adeptos da crença.

Por sua vez, dizer que, então, se deve criar o dia do espírita, do islâmico, do umbandista, do budista é levar a discussão pro lado mais raso (e confortável) da piscina.

Quem defende estado laico precisa estar disposto a abrir mão dos feriados religiosos. E ter coragem de dizer isso.

Se é errado dia do evangélico, correto certamente não são dia de finados e Nossa Senhora da Aparecida.
‘Bora ter coerência política e propor acabarem com dia de pernas pro ar na sexta-feira santa e no 25 de dezembro? Isso mesmo. Natal.

1º de janeiro pode ficar, porque aí é um evento, a meu ver, mais ligado ao calendário do que à religiosidade, embora contemos o tempo a partir do nascimento de Cristo. Além do mais, é feriado no mundo inteiro.

No lugar disso tudo, coloquemos, por exemplo, feriado no dia 22 de abril. Será que o descobrimento de um país colossal feito este não merece uma comemoração? Teríamos um big refresco, já que emendaríamos com Tiradentes.

Outra sugestão seria o 13 de maio. Se a Proclamação da República merece feriado, porque não uma data que deu fim à barbaridade que era a escravidão?
Não é ela tão ou mais merecedora de feriado do que a de um golpe que uniu elite e militares para derrubar um imperador então querido pela população?

Fica a dica aos laicos de plantão. E de discurso.

Tags:

Gostou, compartilhe:

Comentários (0)

Deixe o seu comentário!