André Giusti - foto: Luana Lleras
voltar para o início do blog

Lágrimas

Nunca tive medo de injeção e jamais imaginei que pudesse chorar tomando uma vacina. Mas não segurei as lágrimas, que não foram de dor, até porque você praticamente não sente nem a picada nem o líquido entrando na corrente sanguínea. Chorei de alegria porque bateu uma esperança forte de que esse horror, esse inferno irão [...]

vacina

Nunca tive medo de injeção e jamais imaginei que pudesse chorar tomando uma vacina.

Mas não segurei as lágrimas, que não foram de dor, até porque você praticamente não sente nem a picada nem o líquido entrando na corrente sanguínea.

Chorei de alegria porque bateu uma esperança forte de que esse horror, esse inferno irão sim acabar.

Chorei de emoção pela ciência.

Pela medicina

Pelas equipes de saúde.

Pela saúde pública.

Pelo SUS.

Em respeito a todos que morreram.

Chorei pedindo pela nossa democracia.

Por um país que encontre a paz.

PS: Elogio à equipe de vacinação que está no Parque da Cidade, em Brasília. Verdadeiros anjos cumprindo com amor o seu papel.

Tags:

Gostou, compartilhe:

Comentários (0)

Deixe o seu comentário!